Aventura no Funchal
de Avelina Macedo

Temporada artística

2008/2009

Em exibição

30 novembro 2008 a 1 fevereiro 2009
Cine Teatro de Santo António

Classificação etária

Maiores de 2 anos

Duração

1 Hora
(aproximadamente)

Encenação
Élvio Camacho

INTÉRPRETES E PERSONAGENS

Ana Graça | Isabel
António Ferreira | Damião
Magda Paixão | Carlota e João Gonçalves Zarco
Marco de França | João, Pedro e Miguel
Sónia Carvalho | Penélope
Zé Ferreira | Augusto

Ficha Artística e Técnica

Dramaturga | Avelina Macedo
Encenação | Élvio Camacho
Música Original | Fernando Almeida
Cenografia e Figurinos | Zé Ferreira
Assistência de Encenação e Dramaturgia | Paula Erra
Direcção de Cena | Cristina Loja
Adereços e Caracterização | Zé Ferreira
Desenho e Operação de Luz | Hélder Martins
Operação de Som e Apoio Geral | Avelina Macedo
Sonoplastia** e Montagem de Som | Henrique Vieira e Élvio Camacho
Montagem de Luz | António Freitas e Hélder Martins
Design Gráfico | Dupla DP|Novos Conceitos de Comunicação e Publicidade, Lda.
Frente de Casa e Bilheteira | Patrícia Perneta e Élvio Camacho

* Utilização/adaptação de figurinos e adereços, de anteriores produções do TEF.

** Este espectáculo contém trechos e breves citações musicais, de originais produzidos para anteriores produções do TEF dos músicos Fernando Almeida e Ricardo Gonçalves.

Texto do Encenador

Aplausos para os
Cutchi Cutchi’ Aventureiros

«João Gonçalves Zarco: Reparai bem na beleza desta ilha virgem. Toda cheia de vegetação. Olhai a quantidade de arvoredo, que cobre toda esta parte da ilha. Hum, como é que se chama esta planta? Vejamos, isto é salsa? Hum… não, não.
João Pedro Miguel: É funcho, meu comandante.
João Gonçalves Zarco: Não ‘digais’, eu sei. Estes são coentros? Não. Orégãos? Não. Alfavaca? Não, Anis? Não, também não…»*

Avelina Macedo

Lindos amiguinhos do teatro, acompanhem-nos nesta aventura,
É com ela que vamos terminar as nossas comemorações teatrais dos 500 anos da Cidade do Funchal, com este espectáculo dedicado aos mais novos, aos mais velhos e a um doido João Gonçalves Zarco, descobridor da Madeira, aqui reinventado com o humor eficaz e terno de Avelina Macedo, autora que estimamos e há muito merecia ver em cena uma das suas peças. É a melhor maneira de chegarmos ao fim desta jornada festiva.
Celebramos desde há muitos anos a nossa cidade com teatro para a infância e juventude porque acreditamos na vossa força endiabrada e num futuro desenhado com a vossa capacidade inventiva de tornar o mundo num lugar cada vez mais fixe em bondade. Farás uma viagem divertida que te recordará a importância dos teus antepassados e, desta feita, os aplausos são para vocês, nossos cutchi cutchi, nossos espectadores mais fofinhos, responsáveis pelo crescimento do TEF| Companhia de Teatro na cidade onde nasceu.
O Funchal é mais que um neto, filho, pai e avô; o Funchal é o vosso sorriso irreverente, o Funchal não são só os 500 anos se não incluir os teus, o Funchal é o teu arrebatamento, o Funchal é uma aventura, o Funchal é o teu futuro se acreditares que podes ser um grande e criativo aventureiro.

Sinopse

Penélope e Damião vêm pela primeira vez à Madeira onde conhecerão os seus avós do Funchal. Acostumados a viver numa grande cidade, não estão entusiasmados com a ideia de passar dois meses de férias no ‘campo’ e ainda por cima com um ‘par de velhos’ a tomar conta deles. Contudo, eles nem imaginam a aventura que os espera: uma viagem mágica, de 500 anos, através do tempo onde irão ser testemunhas do povoamento do Funchal, conhecer os seus tetra-tetravós e até mesmo João Gonçalves Zarco, o navegador. Uma aventura que lhes fará despertar o amor e o orgulho pela terra dos seus antepassados e que, sobretudo, os levará a valorizar a experiência e sabedoria dos mais velhos, criando, assim, um laço de amor e ternura indestrutível entre netos, avós e a cidade que os cativará.

AGRADECIMENTOS

Agradecemos a colaboração de Magda Paixão na revisão de texto da versão cénica deste espectáculo.

Start typing and press Enter to search

Produção 113 do Teatro Experimental do FunchalProdução 107 do Teatro Experimental do Funchal